missão oblata

Missão Oblata 156 anos

Compartilhar

Dia especial para saudar e  comemorar os 156 anos de Missão da Congressão das Irmãs Oblatas do Santíssimo Redentor. Leiam a reflexão muito sensível  escrita por Marlene Bravo –  Irmã Oblata, do Projeto Antonia de São Paulo – sobre este momento especial para Congregação. 

Continua dando frutos, Missão Oblata 156 anos

Há 156 anos no dia 1º de Junho de 1864, brotava a semente da missão das Irmãs Oblatas do Santíssimo Redentor em Ciempuzuelos vilarejo de Madrid – Espanha.

A Semente plantada por Antonia Maria da Misericórdia e José Maria Benito Serra, interpelados pelo Espírito, tocados e sensibilizados pela realidade de vulnerabilidade social, estigma e violência, sofrida pelas mulheres em contexto de prostituição ou vítimas de tráfico de pessoas com fim de exploração sexual, decidiram abrir a primeira casa de acolhida para as mulheres que saiam do hospital São João de Deus e não tinham para onde ir, se não as ruas, possibilitando assim formas e alternativas para melhoria de vida das mesmas.

Os ramos dessa grande árvore cresceram, se espalharam e hoje se faz presentem em 15 Países dos 4 continentes: África, América, Ásia e Europa, e estão dando frutos.

Como Família Oblata, temos a alegria de partilhar e saborear desses frutos entre irmãs, leigas/o, mulheres, voluntários e todas as pessoas que se sensibilizam com a causa e se identificam com o Carisma e Espiritualidade da Congregação, nas diversas realidades.

Seguimos lutando em favor da justiça, do respeito, da solidariedade, da vida e equidade de gênero.

“Pela fé e pela ação social, trabalhamos para tornar mais justo e menos vulnerável o caminho das mulheres que exercem a prostituição ou são vítimas de tráfico para fim de exploração sexual.”

Seguimos lutando em favor da justiça, do respeito, da solidariedade, da vida e equidade de gênero.

Agradecemos a Madre Antonia Maria da Misericórdia e ao padre José Maria Benito Serra, pelo início dessa grandiosa missão que hoje somos continuadoras, trabalhando em Rede, vivendo e testemunhando com alegria, empatia, escuta, espiritualidade, acolhida, coragem, ousadia, profecia e esperança, sem perder de vista nosso ponto de partida.

“Nosso horizonte é a missão, Jesus e as Mulheres nos indicam o caminho” (XXI.CG, Pag.14, 2019)

Leia o texto na Íntegra no Blog do Projeto Antoniaaqui

Reflexão de Marlene Francisco Bravo – Irmã Oblata – Projeto Antonia 

 

Saiba mais sobre nós:

♥ Instagram

Facebook

 

Conteúdos do blog

As publicações deste blog trazem conteúdos institucionais do Projeto Força Feminina – Unidade da Rede Oblata Brasil, bem como reflexões autorais e também compartilhadas de terceiros sobre o tema prostituição, vulnerabilidade social, direitos humanos, saúde da mulher, gênero e raça, dentre outros assuntos relacionados. E, ainda que o Instituto das Irmãs Oblatas no Brasil não se identifique necessariamente com as opiniões e posicionamentos dos conteúdos de terceiros, valorizamos uma reflexão abrangente a partir de diferentes pontos de vista. A Instituição busca compreender a prostituição a partir de diferentes áreas do conhecimento, trazendo à tona temas como o estigma e a violência contra as mulheres no âmbito prostitucional. Inspiradas pela Espiritualidade Cristã Libertadora, nos sentimos chamadas a habitar lugares e realidades emergentes de prostituição e tráfico de pessoas com fins de exploração sexual, onde se faz necessária a presença Oblata; e isso nos desafia a deslocar-nos em direção às fronteiras geográficas, existenciais e virtuais.   

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *