Covid 19direitos humanosgêneromissão oblatapandemiasolidariedade

Solidariedade em tempos de Pandemia

solidariedade
Compartilhar

 

Missão Partilhada

 

A pandemia de COVID-19 nos trouxe inúmeros desafios a serem enfrentados, mas, também, nos mostra caminhos possíveis de empatia, organização social, união, missão e misericórdia.

Parafraseando o Papa Francisco em sua encíclica citamos o “método”, por ele proposto, do “ver, julgar e agir”. O referido método nos propõe o exercício e desenvolvimento do nosso senso crítico de mundo e realidade, dando base a uma ação consciente e fundamentadas nos ensinamentos Crísticos. Perfeitamente consonante com o caminho da missão partilhada no compromisso de misericórdia, solidariedade, na defesa de direitos humanos, inclusão social junto às mulheres que estão em contextos de prostituição construída pela Rede Oblata.

 

          

 

“Desenvolvimento do nosso senso crítico de mundo e realidade, dando base a uma ação consciente e fundamentadas nos ensinamentos Crísticos. “

 

Confiantes de que a solidariedade e misericórdia são as principais estratégias de enfrentamento a pandemia, nos mobilizamos em rede e reafirmamos nosso compromisso sócio-cristão através da ação direta de doação de cestas básicas e materiais de limpeza às mulheres assistidas pelo PFF.

 

             

 

O Projeto Força Feminina – Unidade da Rede Oblata em Salvador vem agradecer a todos os parceiros envolvidos nessa nossa rede do bem.

Agradecimentos a Dr. André e sua esposa Dona Maria do Carmo (benfeitores da Paróquia de São Pedro); Sesc Mesa Brasil (parceiro constante de nossa jornada); Padres Redentoristas (Igreja de São Roque e São Lázaro), Sra. Denilze Alencar Sacramento, Vereador Sílvio Humberto e a toda Equipe do Projeto Força Feminina pelo comprometimento e missão partilhada.

 

 

Saiba mais sobre nós:

♥ Instagram

Facebook

 

Conteúdos do blog

As publicações deste blog trazem conteúdos institucionais do Projeto Força Feminina – Unidade da Rede Oblata Brasil, bem como reflexões autorais e também compartilhadas de terceiros sobre o tema prostituição, vulnerabilidade social, direitos humanos, saúde da mulher, gênero e raça, dentre outros assuntos relacionados. E, ainda que o Instituto das Irmãs Oblatas no Brasil não se identifique necessariamente com as opiniões e posicionamentos dos conteúdos de terceiros, valorizamos uma reflexão abrangente a partir de diferentes pontos de vista. A Instituição busca compreender a prostituição a partir de diferentes áreas do conhecimento, trazendo à tona temas como o estigma e a violência contra as mulheres no âmbito prostitucional. Inspiradas pela Espiritualidade Cristã Libertadora, nos sentimos chamadas a habitar lugares e realidades emergentes de prostituição e tráfico de pessoas com fins de exploração sexual, onde se faz necessária a presença Oblata; e isso nos desafia a deslocar-nos em direção às fronteiras geográficas, existenciais e virtuais.   

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *